Arquivo da categoria ‘ORAÇÕES e PRECES’

Prece de Natal

Publicado: 21/12/2013 em ORAÇÕES e PRECES, Sem categoria

Image

Conhecemos os Teus ensinamentos.
Auxilia-nos a cumpri-los.
Guardamos as tuas palavras.
Ampara-nos, a fim de que venhamos a traduzi-las em trabalho no serviço aos semelhantes.
Legaste-nos o amor uns aos outros, por legenda da própria felicidade. Guia-nos à prática dessa lição bendita, de maneira a que o nosso dia-a-dia se faça caminho de fraternidade e luz.
Senhor! Disseste-nos: ” dou a vós outros a minha paz ” e tens mantido a tua promessa, através de todos os séculos da vida cristã. Inspira-nos, por misericórdia, o respeito e a fidelidade aos Teus dpara que não venhamos a perder a paz que nos destes, com a intromissão de nossos caprichos, na paz que nos vem de Deus.

Assim Seja!

Imagem: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.267116416770083.1073741848.210209415794117&type=1

Anúncios

CREDO UMBANDISTA

Publicado: 13/01/2009 em ORAÇÕES e PRECES

"Creio em Olorum, Onipotente e Supremo.

Creio nos Orixás e nos Espíritos Divinos,

Que nos trouxeram para a Vida por vontade de Deus.

Creio nas Falanges Espirituais orientando os homens na vida terrena;

Creio na reencarnação das almas e na Justiça divina, segundo a Lei do Carma;

Creio na comunicação dos Guias Espirituais,

Encaminhando-nos para a Caridade e a prática do Bem;

Creio na invocação, na prece e na oferenda, como atos de fé;

Creio na Umbanda, como religião redentora,

Capaz de nos levar pelo caminho da evolução até o nosso Pai Olorum.

Glória à Olorum, glória à Oxalá, glória aos Orixás,

E à todas Entidades Trabalhadoras nas Searas Umbandistas.”


 

Tranca Rua, vós que sois a manifestação do divino, peço que possa se manifestar entre nós, conforme nosso merecimento. No seu poder, na sua força, e na sua magnitude, pelo caminho que só vós conheceis, pela força que só a vós pertenceis, e pelo poder de trancar a vós concedido, eu lhe rogo:

Que as trevas que habitam em mim sejam trancadas.

Que o ódio e o sentimento impuro, que emanam da minha alma, sejam trancados.

Que a falsidade que exala dos meus poros seja trancada.

Que o rancor e a miséria que habitam o meu coração sejam trancados.

Que a dissimulação e a superficialidade, que nasce da minha língua, sejam trancados.

Que o egoísmo e a maldade, que transcendem da minha mente, sejam trancados.

Que a palavra torta que sai da minha boca e o pensamento roto que sai da minha cabeça contra o próximo, sejam trancados.

Que a capacidade que os meus olhos têm de amaldiçoar e destruir sejam trancados.

E assim, fonte primária da criação, assim que trancar a tudo isso no seu âmago, pois é na vossa essência que tudo isso se desvitaliza, peço a vós que:

Destranque todas as portas do meu caminho.

Destranque todas as passagens da minha jornada.

Destranque toda prosperidade material e espiritual.

Destranque o meu coração das amarguras.

Destranque o meu sustento de cada dia.

Destranque o meu corpo espiritual e o meu corpo material da agonia, do desespero e da aflição que me assolam na calada da noite.

Destranque o meu emprego, o meu negócio e a minha morada material.

Destranque o martírio familiar pelo qual eu tenho passado.

Destranque os meus olhos para as maravilhas do mundo espiritual.

Destranque a minha liberdade!

Pois vós, Força Sagrada do Divino Criador, é o portador supremo da Vitalidade!

Laroiê Exú!!!

Salve Tranca-Ruas!!!

PAI NOSSO UMBANDISTA

Publicado: 02/08/2008 em ORAÇÕES e PRECES

 

Pai Nosso que estais nos céus, nos mares, nas matas e em todos os mundos habitados;

Santificado seja o teu nome, pelos teus filhos, pela natureza, pelas águas, pela luz e pelo ar que respiramos.

Que Teu reino, reino do bem, do amor e da fraternidade, nos una a todos e a tudo que criaste, em torno da sagrada cruz, aos pés do divino salvador e redentor.

Que Tua a vontade nos conduza para o culto do Amor e da Caridade.

Dá-nos hoje o pão do corpo, o fruto das matas e a água das fontes para o nosso sustento material e espiritual; e a vontade para sermos virtuosos aos nossos semelhantes.

Perdoa-nos, se merecermos, as nossas falhas e dá-nos o sublime sentimento do perdão para os que nos ofendem.

Não nos deixeis sucumbir ante as lutas, dissabores, ingratidões, tentações dos maus espíritos e ilusões pecaminosas da matéria.

Envia Pai, um raio da Tua divina complacência, luz e misericórdia, para os teus filhos pecadores que aqui habitam pelo bem da humanidade.

Assim seja, em nome de Deus Olorum, de Oxalá e de todos os mensageiros de Luz da Umbanda.

Sarava Umbanda!